Aprender Inglês Sozinho

Aprender inglês sozinho pode ser uma tarefa bem fácil. O aprendizado de uma língua pode ser dividido em listening, reading, writing, e speaking. Dentro do speaking podemos ter a conversaçãoleitura em voz alta e a técnica do shadowing.

Shadowing vem da palavra shadow que significa sombra em português. Então a técnica shadowing consiste em repetir o que um nativo da língua está dizendo, como se fosse uma sombra que acompanha e reproduz o mais fielmente a sua fala.

Muitas pessoas que não compreendem a essência desta técnica podem achar que você estará apenas repetindo como um papagaio, imitando e decorando frases.

Mas, uma pergunta… quando você está aprendendo a cantar uma música nova… o que você está fazendo? 
Shadowing!

Mas não se engane, ao fazermos o shadowing, treinamos nossos músculos faciais, a respiração e as cordas vocais. Favorecemos, dessa forma, a memória muscular ganhando mais confiança na hora de falarmos algo em inglês ou qualquer que tenha sido o idioma escolhido.

É um alívio não ter que se preocupar com a pronúncia e entonação numa conversação real. Certamente é uma enorme vantagem que só é possível quando treinamos muito essa habilidade anteriormente.

Numa conversação real, precisamos nos concentrar em compreender o que o outro fala e ainda pensar no que será respondido. Além disso, se não conseguirmos pronunciar e ter uma boa entonação, nossa mensagem pode ser entendida de maneira errada ou nem ser entendida! Tudo isso consome muita energia e sobrecarrega nossa mente.

Ao aprender inglês sozinho ou qualquer outro idioma, falar fluentemente como o nome próprio diz, é eliminar obstáculos na comunicação e deixar que tudo flua naturalmente.

O esforço da técnica shadowing é apenas reproduzir os sons com fidelidade. Assim, você ganha mais confiança na hora de conversar com outras pessoas.

Quais são as vantagens do shadowing?

1. Potencializar o desenvolvimento da pronúncia, ritmo e entonação, componentes importantíssimos para a construção da fluência e de quebra a sua fala ficará mais natural melhorando incrivelmente o sotaque.

2. Esta técnica é fantástica. Você consegue treinar sozinho, escolhendo o nível de complexidade dos áudios.

3. É possível escolher o tipo de sotaque a ser modelado e você pode escolher vários. 🙂

4. Você aprimora o seu listening (capacidade de ouvir)

5. Conhece novas palavras e chunks aumentando o seu vocabulário.

Quase sempre no começo será bem estranho, mas depois você se acostuma. Comece com textos básicos que você compreende e já domina.

Pode ser um trecho de palestra, apresentação, aula, discurso, entrevista de algum artista, um seriado, um filme que você gosta… Com tantos sites de vídeo e podcasts na web, achar material será o de menos. O YouTube é excelente para achar de tudo em vários idiomas! Afinal a técnica pode ser usada para aprender e aprimorar qualquer língua, não só o inglês.

Algumas dicas para melhorar a técnica de shadowing

1. Comece com falas mais lentas e vá avançando aos poucos.

2. Anote o texto que será falado para você se sentir mais seguro na hora de treinar. É essencial que você já tenha uma noção das palavras e do contexto. Fica mais fácil acompanhar com uma transcrição do áudio (ou legenda, se for vídeo). Além disso, a visualização das palavras enquanto você fala cria uma associação poderosa.

3. Se não puder acompanhar, vá pausando a cada frase antes de repetir. Habitue-se ao áudio.

4. Você pode gravar sua voz para comparar seu progresso depois!

5. Repita o mesmo texto alguns dias ou semanas depois, assim você verá seu progresso evoluindo.

6. Recomendo ouvir com fone de ouvido e gravar em outro aparelho Por exemplo, ouça no notebook com fones e grave com seu celular. Assim a gravação pega só a sua voz. Ficará muito mais fácil para analisar seu progresso depois.

7. Ouça algumas vezes antes de sair repetindo. Depois, tente acompanhar apenas movimentando os lábios para que os músculos comecem a trabalhar.

Na primeira vez você pode até se perder, sem conseguir acompanhar o áudio. É super normal! Faça algumas vezes com o mesmo texto até pegar a manha. Na terceira ou quarta vez você estará se perdendo menos. E depois de umas 10 vezes você será capaz de ler o texto sem precisar acompanhar a voz!

Então você que já aprendeu o quer aprender inglês sozinho, recomendo praticar com falas normais, não com músicas, para pegar o jeito de uma fala real.